Flávia Bottari – especialista em acupuntura na ginecologia e obstetrícia

1- O que pode ser tratado com a acupuntura na ginecologia e obstetrícia?
Podemos ajudar no tratamento de qualquer distúrbio relacionado à saúde da mulher , desde a menarca, que é a primeira menstruação até a menopausa , quando se encerram as menstruações.
Passando por problemas ligados à fertilidade e gravidez .

2- Quais são as queixas mais comuns das mulheres que buscam a acupuntura ?
A TPM ( tensão pré menstrual) com certeza é a queixa mais recorrente em atendimentos de mulheres.
Irritabilidade , depressão , “excesso” de choro , inchaço ,dores de cabeça .
Já nas mulheres mais maduras as queixas maiores são o fogacho da menopausa, os famosos “calores”.
Entre as grávidas, as dores e a ansiedade são os mais tratados.

3- Grávidas podem fazer acupuntura?
Não só podem como devem fazer !!!
A gravidez é um período de muitas mudanças físicas , hormonais e emocionais para mulheres.
Nessa fase os desconfortos na coluna devido ao peso e as mudanças na estrutura física incomodam muito , e o uso de medicamentos é restrito, aí entra uma das mais conhecidas ações da acupuntura , analgesia de dores.
Outras queixas muito comuns são os enjoos matinais , ansiedade e inchaços .
E para mães que querem se preparar para partos naturais , com acupuntura também podemos trabalhar a indução para parto a partir da 38º semana.
Com a crescente procura por partos naturais cada vez mais mulheres usam a acupuntura para auxiliá-las nesse momento.

4- Questões específicas, como ovário policístico, endometriose ou baixo estoque ovariano podem ser resolvidas pela acupuntura?
A síndrome do ovário policístico ou a endometriose são diagnósticos que não são curados com a acupuntura, mas podem se tornar assintomáticos com o tratamento. Ou seja, a acupuntura pode reduzir o impacto desses diagnósticos na fertilidade e auxiliar na regulação do ciclo menstrual, aliviar as cólicas, ajudar na desobstrução das trompas…

5 – Para mulheres que estão tentando engravidar a acupuntura é indicada ?
Sim !
A acupuntura pode influenciar no aumento da resposta ovariana , a melhora da saúde no geral, das condições gerais do sistema reprodutivo pode melhorar a taxa de gravidez, o uso da acupuntura aumenta a espessura e a qualidade do endométrio uterino.
Além disso existem tratamento específicos para mulheres que farão a FIV( fertilização in Vitro).
Além dos benefícios físicos os impactos positivos da acupuntura na saúde emocional da mulher nesse período de tentativas é extremamente útil!

6 – E as mulheres no pós parto podem fazer acupuntura ?
Mais uma vez , não só podem como devem fazer !!!
O pós parto é conhecido também como puerpério , período de aproximadamente 40 dias após o nascimento , fase em que os hormônios estão retornando ao normal , onde há inúmeras mudanças no corpo , privação do sono em alguns casos , mudança de humor, adaptação de uma nova rotina com todos os novos desafios da maternidade,período em que a acupuntura pode ser muito útil para aliviar todo estresse da nova mãe !!!
Além disso, pode se ajudar no leite que não esta fluindo e em mastite .

7- Quanto tempo em média dura uma sessão ?
A sessão tem duração de aproximadamente 1 hora.

8- Qual a diferença entre uma sessão de acupuntura na ginecologia e obstetrícia para a sessão de acupuntura convencional?
A acupuntura é uma técnica que visa o tratamento individualizado. Assim,
em qualquer sessão, vamos analisar e avaliar o paciente de forma individual e holística , isso é, compreender o indivíduo como um todo , na sua globalidade !
Numa sessão de acupuntura na ginecologia e obstetrícia vamos avaliar essa mulher e proporcionar o tratamento indicado para seu reequilíbrio energético.
Porém, devido os ciclos femininos , como existe uma grande variação hormonal nas mulheres, costumamos falar que existe uma mulher para cada fase do seu ciclo , e a acupuntura na ginecologia tem o objetivo de dar atenção a esse aspecto importante na natureza dela.
Além de também contribuir com informações a respeito da relação descanso X trabalho , alimentação , atividade física.
Os pontos utilizados são os pontos de acupuntura, principalmente na região abdominal, braços e pernas.
Podendo, em muitos casos, a Auriculoterapia ser associada ao tratamento.

9 – As técnicas da acupuntura na ginecologia e obstetrícia surgiram há muito tempo ?
Sim, os primeiros registros são na China em 1500a.C. Durante toda a historia da Medicina Chinesa encontram-se relatos sobre tratamento de problemas femininos, porém, com a união a visão ocidental a acupuntura vem ganhando mais espaço .
Além disso, notamos uma crescente preocupação com o tratamento da mulher de forma mais natural. O que tem tornado mais comum os partos naturais , o uso de coletores menstruais , absorvente biodegradável, mais informações sobre a ginecologia natural , sobre a importância da menstruação, aceitação do corpo feminino !
A acupuntura na ginecologia e obstetrícia vem acompanhando esse movimento de mais cuidados com a saúde da mulher !